TBILISI - Dois policiais georgianos morreram e três ficaram feridos nas explosões de duas bombas nesta segunda-feira perto da região separatista pró-Moscou da Ossétia do Sul, anunciou o ministério do Interior georgiano.

"Dois policiais georgianos morreram vítimas da explosão de um artefato não identificado quando patrulhavam o território na localidade de Dvani, sob controle georgiano, perto da Ossétia do Sul", afirmou o porta-voz do ministério, Zurab Gvenetadze.

"Uma segunda explosão aconteceu quando outro grupo de policiais georgianos chegou ao local. Três ficaram feridos, um deles gravemente", acrescentou.

Os agentes feridos foram levados para o hospital da cidade de Gori, aproximadamente 25 quilômetros ao sul da Ossétia do Sul, cuja independência foi reconhecida apenas por Rússia e Nicarágua.

Policiais foram ao local a fim de verificarem se existem mais minas na região

Leia mais sobre conflito no Cáucaso

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.