Explosão provocada pelas Farc mata 3 militares na Colômbia

BOGOTÁ (Reuters) - Três militares colombianos morreram nesta sexta-feira na selva do noroeste da Colômbia por causa da explosão de uma bomba contra uma patrulha que investigava um sequestro, segundo autoridades. Outros quatro soldados e um policial ficaram feridos no ataque, ocorrido na estrada que liga as localidades de Tutunendo e San Francisco, no Departamento do Chocó.

Reuters |

As autoridades atribuíram o ataque às Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc), maior guerrilha do país.

Segundo a polícia, depois da explosão vários guerrilheiros saíram da mata e dispararam fuzis e metralhadoras contra o veículo militar.

Analistas dizem que as Farc vêm perdendo muito de sua força por causa da repressão promovida pelo governo de Álvaro Uribe com ajuda dos Estados Unidos, e que por isso agora só resta à guerrilha realizar ataques em zonas remotas do país.

(Reportagem de Luis Jaime Acosta)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG