Explosão perto de ministério mata 3 e fere 20 em Bagdá

Pelo menos três pessoas morreram e 20 ficaram feridas em duas fortes explosões registradas neste sábado no centro de Bagdá, informaram fontes do Ministério de Interior iraquiano.

EFE |

Segundo os relatos, artefatos foram detonados em frente a uma mesquita xiita próxima à sede do Ministério da Saúde e ao antigo edifício do Ministério da Defesa, agora ocupado por uma unidade do Exército.

AFP
Fumaça sobe após explosão perto do Ministério da Defesa do Iraque

As explosões aconteceram com poucos minutos de diferença. A segunda delas pegou de surpresa os fiéis que participavam das orações do meio-dia e, na hora, fugiam da mesquita depois da detonação da primeira bomba.

Entre os feridos há várias pessoas em estado grave, por isso as autoridades não descartam um aumento no número de mortos.

Além de terem deixado mortos e feridos, as explosões causaram grandes danos ao templo xiita e a vários veículos estacionados nas imediações.

As fontes disseram ainda que peritos da Polícia desativaram outro explosivo escondido dentro de um livro religioso deixado na mesquita do Imame Moussa al-Kazim, um dos principais templos xiitas de Bagdá.

A explosão lembrou os atentados de 19 de agosto na capital iraquiana, quando 87 pessoas morreram e mais de mil ficaram feridas em ataques contra o Ministério das Finanças e o de Assuntos Exteriores.

Também hoje, o Ministério de Interior informou que um civil perdeu a vida na explosão de uma bomba colocada sob o carro da vítima.

Pouco antes das explosões de hoje em frente à mesquita xiita, uma outra bomba foi detonada no centro de Bagdá, ferindo dois policiais que patrulhavam a região.

Leia mais sobre: atentados em Bagdá

    Leia tudo sobre: atentadobagdáexplosãoiraque

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG