Explosão deixa sete mortos no sul do Afeganistão

Bomba explodiu perto de uma delegacia na cidade de Kandahar, matando cinco policiais e dois civis

iG São Paulo |

A explosão de um carro-bomba perto de uma delegacia em Kandahar, no sul do Afeganistão, deixou ao menos sete mortos neste domingo - sendo cinco policiais e dois civis. Nenhum grupo assumiu responsabilidade pelo ataque, que deixou mais de 20 feridos.

Leia também: Plano dos EUA no Afeganistão causa surpresa e preocupação

AP
Forças de segurança observam local de explosão em Kandahar, no Afeganistão

A forte explosão quebrou vidros de prédios vizinhos e toda a área foi isolada por forças da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan). Policiais afegãos carregavam os feridos para ambulâncias e empilhavam corpos em um caminhão, enquanto escombros e manchas de sangue eram vistas na rua.

Uma autoridade afirmou que a bomba foi detonada remotamente por volta das 12h local - 5h30 no horário de Brasília - em um estacionamento. O local, na área central de Shahidan, ficava a 1km do distrito policial.

Berço do movimento insurgente Taleban, a cidade de Kandahar é palco frequente de ataques contra as forças da Otan e as autoridades locais.

No sábado, a Organização das Nações Unidas (ONU) afirmou que 2011 foi o ano com mais mortes de civis na guerra do Afeganistão, com 3.021 vítimas. O Taleban afirmou que o relatório falsificou números.

Com EFE e AP

    Leia tudo sobre: afeganistãoataquebombaviolênciaguerraeuaotan

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG