Pelo menos 49 pessoas morreram nesta sexta-feira em uma explosão perto de um mercado lotado na cidade de Peshawar, no noroeste do Paquistão. Segundo uma autoridade regional, mais de cem pessoas ficaram feridas na explosão.

Autoridades e testemunhas disseram que um veículo carregado de explosivos foi detonado e destruído perto do bazar Khyber.

"Nós não sabemos se foi uma bomba detonada por controle remoto ou se havia um homem-bomba envolvido", disse o ministro da Informação da província.

O policial Muhammad Khan disse à agência Associated Press que um dos veículos danificados na explosão era um ônibus.

Acredita-se que muitos dos mortos eram passageiros.

Imagens de televisão também mostraram vários carros e motocicletas destruídos.

"Eu estou vendo o veículo queimado e as pessoas retirando mortos dele", disse uma testemunha à agência Reuters. "Eu mesmo contei cinco corpos."
Talebã
Esta foi a mais recente de uma série de explosões na região.

Na segunda-feira, um suspeito extremista suicida atacou a sede do Programa Mundial de Alimentação da ONU (PMA) na capital paquistanesa, Islamabad, causando a morte de cinco pessoas e deixando vários feridos.

Segundo o correspondente da BBC em Islamabad, Aleem Maqbool, o Talebã ameaçou realizar atentados se a operação do governo contra o grupo extremista não for suspensa.

Nos últimos dias, áreas controladas pelo grupo em regiões tribais foram alvo de ataques aéreos e há informações de que a ofensiva será intensificada.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.