Teerã, 13 abr (EFE) - A explosão registrada na noite deste sábado no sul do Irã causou a morte de pelo menos 10 pessoas, enquanto outras 160 ficaram feridas, informou hoje a agência Irna.

A explosão, aparentemente ocasionada pela detonação de uma bomba, aconteceu às 21h15 (14h45 de Brasília) na "Husainiya" (mesquita xiita) de Seyyed ul-Shohada (Senhor dos mártires), na cidade de Shiraz, onde centenas de iranianos assistiam um discurso religioso.

Segundo a "Irna", que cita fontes policiais, os feridos foram levados para 12 hospitais de Shiraz, e muitos deles encontram-se em estado grave, por isso que não se descarta que o número de vítimas mortais aumente nas próximas horas.

Os organismos de segurança continuam a investigação sobre a explosão, embora várias autoridades descartaram até o momento a possibilidade de que se trate de um atentado.

"Estamos investigando o sucedido (..) ainda não se pode dizer que a causa tenha sido uma bomba", disse o assessor para Assuntos de Segurança do governador de Shiraz, Mohamad Reza Hadaegh, segundo "Irna". EFE msh-fa/ma

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.