Explosão em mesquita deixa ao menos 48 mortos no Paquistão

JAMRUD - Pelo menos 48 pessoas morreram em um atentado suicida no noroeste do Paquistão. Um homem-bomba detonou explosivos dentro de uma mesquita, durante as orações de sexta-feira.

Redação com agências internacionais |

AP
Paquistaneses procuram sobreviventes entre escombros

Paquistaneses procuram sobreviventes entre escombros

O administrador da região de Khyber, Tariq Hayat Khan, disse que o número de mortes deve aumentar porque cerca de 80 pessoas ficaram feridas e a maioria foi levada ao hospital.

"Foi um ataque suicida. O homem-bomba estava na mesquita. É um prédio de dois andares, que desabou", afirmou. Segundo o administrador, cerca de 250 pessoas estavam no local no momento da explosão.

A mesquita ficava perto de um posto de controle situado em uma das tribos locais. Entre os mortos estão muitos policiais, membros da tribo, além de fiéis.

A mesquista fica em uma região próxima à fronteira do país com o Afeganistão. A área é alvo de ataques do Taleban e de conflitos entre tribos e grupos militantes rivais. As autoridades ainda não fizeram declarações sobre os possíveis motivos do atentado.


Leia mais sobre Paquistão

    Leia tudo sobre: paquistão

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG