Uma explosão foi registrada nesta quinta-feira em um posto da guarda civil na ilha de Mallorca, na Espanha. A explosão teria matado dois guardas e deixado vários feridos.

Há relatos de que a explosão na cidade turística de Palmanova foi provocada por um carro-bomba.

O incidente acontece um dia após outra explosão em frente a um prédio da polícia em Burgos, no norte da Espanha, ferir levemente quase 50 pessoas. O prédio foi quase destruído.

A polícia atribuiu o ataque em Burgos ao grupo separatista basco ETA.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.