Pequim, 8 fev (EFE).- Seis pessoas morreram e outras nove ficaram feridas na explosão de uma fábrica ilegal de fogos de artifício na província chinesa de Guizhou, informou hoje a agência oficial Xinhua.

A explosão aconteceu ontem, sábado, na localidade de Pingqiao, uma área habitada pelas minorias étnicas Miao e Buyei, acrescentou a informação, que cita os responsáveis de segurança do trabalho da província.

Cinco dos trabalhadores morreram ao acontecer a explosão, e o sexto no hospital, apesar aos esforços por manter-lhe com vida.

Os feridos, alguns deles em estado grave, estão hospitalizados e as autoridades iniciaram uma investigação do fato. EFE abc/ma

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.