Tamanho do texto

Moscou - O prefeito de Moscou, Yuri Luzhkov, informou hoje que a explosão de ontem em um edifício desta localidade e que deixou três mortos, entre eles uma criança, foi causada pela imprudência de dois estudantes que realizavam uma soldagem.

"A explosão aconteceu por culpa de dois estudantes que gostavam de armaduras, para cuja confecção usavam maçaricos a gás", declarou Luzhkov, citado pela agência "Interfax" em reunião de Governo.

As autoridades de Moscou, que descartaram imediatamente a possibilidade de um atentado terrorista, inicialmente ligaram a explosão a trabalhos de reparo no edifício.

O acidente provocou um incêndio que se espalhou para três dos 22 andares do imóvel, que fica no norte de Moscou.

Leia mais sobre: explosão

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.