Explosão e tiroteio no Paquistão matam 3 insurgentes e 2 militares

Nova Délhi, 17 dez (EFE).- Pelo menos dois membros das forças de segurança e três supostos insurgentes morreram em uma explosão seguida por um tiroteio nas regiões tribais do noroeste do Paquistão, informou hoje uma fonte militar.

EFE |

O fato ocorreu em Bara, situada na demarcação tribal de Khyber, quando os insurgentes detonaram uma bomba no momento em que passava um comboio das forças de segurança e causaram a morte de duas pessoas e deixaram várias feridas.

Fontes da guarda de fronteira citadas pelo canal "Dawn Tv" afirmaram que as forças de segurança começaram a disparar e mataram três supostos insurgentes durante o tiroteio.

Com o incidente, as forças de segurança se dividiram na região para transferir os feridos ao hospital de Peshawar, capital da Província da Fronteira Noroeste.

A região de Bara é um dos redutos dos insurgentes em Khyber, uma passagem viária entre Afeganistão e o Paquistão de grande importância estratégica.

O Exército paquistanês lançou no final de novembro uma ofensiva em Khyber que causou dezenas de mortes entre os insurgentes.

A partir desta demarcação na divisa com o Afeganistão opera a organização extremista sunita Lashkar-e-Islã (LI), vinculada com a insurgência talibã.EFE daa/dm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG