Explosão deixa 16 mortos no Afeganistão

Cinco soldados da Otan, cinco policiais e um civil morreram nesta sexta-feira na explosão de uma bomba de fabricação caseira no leste do Afeganistão, anunciou a Força Internacional de Assistência à Segurança (Isaf) da Organização do Tratado do Atlântico Norte em um comunicado.

Redação com agências internacionais |

A Isaf, composta por soldados de 40 nações, não revelou a identidade nem a nacionalidade das vítimas, uma tarefa que deixa para as autoridades dos países de origem. A maior parte das tropas posicionadas no leste do país é americana.

"Nossas sinceras condolências e simpatias vão para a família e os amigos dos valentes soldados e do civil", disse um porta-voz da Força Internacional de Assistência à Segurança (Isaf) sob comando da Otan, o britânico Mark Windsor.

A província de Kunar é fronteiriça com as zonas tribais do Paquistão, onde aparentemente os talibãs e os combatentes da Al-Qaeda estão muito presentes.

(*Com informações da EFE e AFP)

Leia mais sobre Afeganistão



    Leia tudo sobre: afeganistão

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG