Explosão de mina mata um soldado e fere dois no sudeste da Turquia

Ancara, 16 mai (EFE).- Um soldado turco morreu e outros dois ficaram feridos no sudeste do país pela explosão de uma mina supostamente colocada pelo Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK, em turco), informou hoje a agência Anadolu.

EFE |

Após a explosão, as tropas turcas iniciaram uma operação militar em grande escala numa ampla zona rural de Cukurca, cidade situada em Hakkari - uma província limítrofe com o Iraque.

O PKK é uma organização considerada terrorista pela União Européia (UE) e Estados Unidos. O partido iniciou uma rebelião com armas contra o Estado turco em 1984, para reivindicar a autonomia dos 12 milhões de curdos que vivem no país.

Desde então, mais de 35.000 pessoas morreram em confrontos entre as forças de segurança turcas e os rebeldes curdos, assim como em atentados cometidos pelo PKK.

dt/dp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG