Explosão de fábrica deixa mais de 10 mortos na China

Acidente no leste da China deixou 12 mortos e 14 feridos em estado grave e teria sido causado por vazamento de gás

iG São Paulo |

Uma explosão poderosa causada por um suposto vazamento de gás destruiu uma fábrica de plásticos no leste da China nesta quarta-feira, deixando pelo menos 12 mortos e 14 feridos em estado grave, segundo a agência oficial de notícias "Xinhua".

A explosão ocorreu na cidade de Nankin, capital da Província de Jiangsu, às 10h locais (23 horas de terça-feira em Brasília), informou a rádio nacional chinesa em seu site.

Autoridades explicaram que mais de 120 pessoas foram hospitalizadas em consequência do acidente. "Há dezenas de feridos em nosso hospital. Seu estado não é grave, mas a maioria sofreu queimaduras", disse um médico do hospital da cidade de Zhongda que não quis revelar sua identidade.

A primeira investigação indica que a explosão, que aconteceu às 10h15 locais (23h15 de terça-feira em Brasília) foi causada por um vazamento de gás na fábrica. Os bombeiros já conseguiram controlar o fogo.

Segundo as autoridades, a explosão ocorreu quando uma pessoa ligou o motor de um carro dentro da fábrica, o que prendeu o gás acumulado e provocou o acidente. A explosão atingiu um ônibus que passava pelo local, e muitas pessoas que estavam no veículo ficaram feridas.

A China tem o maior índice de mortes por acidentes de trabalho do mundo, em sua maioria no setor de mineração, por causa da falta de medidas de segurança laboral e do estado obsoleto das instalações. Só no primeiro semestre deste ano, mais de 34 mil pessoas morreram no país por acidentes de trabalho.

*Com AP, EFE e AFP

    Leia tudo sobre: chinafábricaexplosãoacidente

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG