Explosão de bomba deixa 9 mortos, incluindo 3 crianças no Afeganistão

CABUL - Pelo menos nove civis morreram nesta terça-feira, entre eles três crianças, devido à explosão de uma bomba na passagem de um microônibus de passageiros na província de Uruzgan, no sul do Afeganistão, informou à Agência Efe uma fonte policial.

Redação com agências internacionais |

Segundo o chefe policial da região, Juma Gül Himat, outros seis civis ficaram feridos por causa da explosão, que ocorreu no distrito de Deh Rawod.

Himat atribuiu o ataque contra o ônibus aos "inimigos do povo", como as autoridades afegãs se referem freqüentemente à insurgência talibã.

Os fundamentalistas costumam colocar bombas preparadas para explodir na passagem de comboios das tropas internacionais mobilizadas no Afeganistão.

Onda de violência

Pelo menos seis supostos insurgentes morreram e 12 ficaram feridos durante um ataque contra um comboio da ONU na província noroeste afegã de Badghis, informou nesta terça-feira à Agência Efe uma fonte oficial.

O incidente aconteceu na segunda-feira à noite na localidade de Darzak, quando um grupo de supostos insurgentes atacou um comboio do Programa Mundial de Alimentos da ONU que transitava escoltado pela Polícia, disse o chefe da Polícia provincial, Mohammed Ayub Naizyar.

Os agentes se defenderam do ataque e mataram seis supostos talibãs, sem registrar baixas entre suas próprias forças, disse Naizyar.

Em outro outro ataque, realizado pela coalizão liderada pelos Estados Unidos no centro do Afeganistão, pelo menos cinco supostos talibãs morreram, segundo um comunicado do comando americano no país divulgado nesta terça-feira.

A operação ocorreu na segunda-feira na província de Ghazni, e tinha como objetivo localizar um dirigente relacionado com ataques contra as tropas afegãs e americanas, informou o comando.

Entre os mortos se encontra o dirigente procurado pelas tropas, segundo o comando, que já tinha informado nesta segunda-feira um outro incidente similar registrado no distrito de Andar, na mesma província.

Nos últimos dias, cerca de 100 insurgentes morreram em duas operações das tropas afegãs e da Otan na província de sulina afegã de Helmand, uma das fortificações insurgentes.

Mais de quatro mil pessoas morreram este ano no Afeganistão por causa da violência.


Mapa do Afeganistão

Leia mais sobre Afeganistão

    Leia tudo sobre: afeganistão

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG