Explosão atinge área perto de mesquita na Nigéria

Porta-voz do Exército responsabilizou grupo islâmico Boko Haram pelo ataque; testemunha diz ter visto quatro corpos no local

iG São Paulo |

Uma explosão atingiu uma área próxima a uma mesquita na cidade de Maiduguri, ao nordeste da Nigéria, deixando quatro mortos, segundo informaram testemunhas que estavam no local. Segundo a BBC, o porta-voz do Exército nigeriano Brig Gen Isa responsabilizou o grupo islâmico Boko Haram.

Leia também: Violência desloca 90 mil na Nigéria

O grupo - que tem como objetivo a implantação da sharia - executou uma série de ataques, principalmente no nordeste do país. Eles reivindicaram a série de atentados contra igrejas no dia de Natal, que deixou ao menos 42 mortos.

No passado, a organização teve como alvos organizações internacionais e líderes muçulmanos de seitas rivais. "Houve uma explosão próximo à mesquita logo após as orações de sexta-feira, enquanto as pessoas estavam saindo da mesquita", disse um residente de Maiduguri à AFP. "Todos correram por sua segurança e e houve uma atropelamento humano."

Uma outra testemunha diz ter visto quatro corpos. Brig Gen Isa confirmou que houve um "incidente grave" que deixou vítimas, mas não deu mais detalhes.

No início da semana, o principal grupo cristão da Nigéria alertou que sua comunidade terá que se defender, se as forças de segurança não forem capazes de protegêla.

Na quinta-feira, o presidente da Nigéria, Goodluck Jonathan, convocou seus chefes de segurança para discutir a ameaça histórica do Boko Haram.

O grupo, originado em Maiduguri, realizaram ataques suicidas esse ano na sede da ONU e da polícia nacional da capital, Abuja. A Boko Haram foi também responsável por uma série de explosões de bombas na cidade central de Jos na véspera do Natal de 2010, bem como um ataque no Ano Novo em um quartel militar na capital.

Com AFP

    Leia tudo sobre: nigériaatentadoataquemesquitaboko harammaiduguri

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG