Ex-funcionário da Mazda invade fábrica e atropela empregados

Toshiaki Hikiji, 42, confessou o crime logo depois. Acidente aconteceu em Hiroshima

EFE |

AP
Carro utilizado por Toshiaki Hikiji é levado para delegacia em Hiroshima

Tóquio - Um funcionário da Mazda Motor morreu e outros dez ficaram feridos nesta terça-feira quando um ex-empregado da companhia os atropelou em uma das plantas do grupo em Hiroshima (sul do Japão), informou a Polícia.

O incidente aconteceu no começo da manhã, quando os trabalhadores da fábrica começavam a chegar para iniciar seu turno, segundo fontes policiais citadas pela agência "Kyodo". O homem, identificado como Toshiaki Hikiji, de 42 anos, entrou nas instalações ao volante de um veículo da própria marca e acelerou, atingindo os trabalhadores antes de fugir.

O próprio Hikiji ligou mais tarde para confessar o crime à Polícia, e foi localizado em um monte da localidade de Fuchu, na própria província de Hiroshima. Após sua detenção, o homem confessou aos agentes que tinha sido despedido pela Mazda em abril e guardava "rancor" da empresa, indicou o canal televisivo "NHK", que detalhou que no momento de sua detenção o homem também tinha uma faca. Um dos dez feridos está em estado crítico, segundo a "NHK".

    Leia tudo sobre: iGjapãoempresas

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG