Exército turco liberta passageiros após matar sequestrador de navio

Balsa com 24 a bordo fazia travessia entre duas cidades do golfo de Izmit. Sequestrador foi identificado como separatista curdo

iG São Paulo |

Comandos especiais do Exército turco invadiram na madrugada deste sábado uma balsa sequestrada na sexta-feira por um suposto membro do grupo separatista curdo PKK (Partido dos Trabalhadores do Curdistão), morto durante a ação, e libertaram 24 passageiros e tripulantes, informou a delegação do governo em Istambul.

AP
A balsa de passageiros Kartepe é cercada pela guarda costeira depois de uma operação de comandos do Exército contra sequestrador no mar de Marmara, Turquia
A balsa Kartepe, de propriedade municipal, fazia o trajeto entre duas cidades do golfo de Izmit, situado na parte mais oriental do mar de Mármara, quando foi sequestrado por volta das 13h45 (de Brasília) de sexta-feira. O sequestro durou 12 horas.

De acordo com o ministro do Interior turco, Idris Naim Sahin, o sequestrador foi identificado como Mensur Guzel, afirmando que ele era líder da ala juvenil do grupo rebelde turco na Província de Kocaeli, no noroeste do país. Segundo o ministro, ele vestia um colete-bomba com 450 gramas de explosivos plásticos A4.

Durante a ação, o sequestrador confiscou os telefones de todos os passageiros e rendeu o capitão. O navio se deslocou em direção ao oeste até chegar a Silivri, na margem europeia de Istambul, mas teve que parar nos arredores da metrópole turca por causa da falta de combustível.

Por meio do capitão, o sequestrador fez chegar aos agentes da Guarda Costeira uma mensagem pedindo combustível, água e alimentos. Três navios da Guarda Costeira vinham seguindo a balsa e neles estavam infiltrados comandos especiais do Exército.

Na madrugada, às 1h35 (de Brasília), os comandos entraram em ação em "uma bem-sucedida operação conjunta com as forças de segurança" e "o sequestrador acabou morto", informou o delegado do governo em Istambul, Huseyin Avni Mutlu, acrescentando que os passageiros estão bem.

*Com EFE e AP

    Leia tudo sobre: turquiabalsacurdospkksequestrocurdistão

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG