Exército paquistanês avança na principal cidade de Swat, segundo autoridades

O Exército paquistanês ocupou várias áreas importantes de Mingora, principal cidade do distrito de Swat (noroeste del país), controlada há semanas pelos talibãs, indicaram autoridades militares neste domingo.

AFP |

O ataque por terra a Mingora, cidade com uma população estimada em 300.000 habitantes - dos quais a maioria fugiu - e sob o controle dos talibãs há semanas, é uma etapa decisiva na ofensiva militar contra os fundamentalistas islâmicos no Vale de Swat.

Os oficiais indicaram que haviam tomado o controle de várias ruas importantes e de três praças em Mingora, incluindo a Praça Verde, onde os islamitas haviam realizado decapitações.

"As forças de segurança estão envolvidas na limpeza de áreas com minas. Também estão efetuando operações de busca nas partes sob seu controle", disse um representante de segurança que pediu para não ser identificado, já que não está autorizado a conceder declarações à imprensa.

Outro representante militar indicou à AFP que os combates nas ruas de Mingora prosseguiam.

"Os enfrentamentos prosseguem entre as forças de segurança e os milicianos na zona de Nawa Kilay, em Mingora, e no bairro de Qambar, no oeste da cidade", disse.

O toque de recolher era mantido na cidade e disparos podiam ser ouvidos, indicaram os oficiais, mas não houve bombardeios durante a noite.

Segundo o governo paquistanês, mais de 15 mil militares enfrentam 4 mil combatentes armados no Vale de Swat, onde Islamabad ordenou uma ofensiva para acabar com os milicianos talibãs, que chegaram a menos de 100 km da capital do Afeganistão, Islamabad.

O tenente-general Athar Abas havia revelado que partes de Mingora tinham sido liberadas e que 17 insurgentes, incluindo um importante comandante, morreram na operação.

str-sz/dm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG