Exército mata comandante das Farc que atacou clube em Bogotá

O Exército colombiano matou o líder guerrilheiro José de Jesús Guzmán, que ordenou um sangrento ataque com explosivos contra um clube de Bogotá, revelou nesta segunda-feira o ministro da Defesa.

AFP |

Jesús Guzmán, também conhecido por 'Gaitán', foi morto na noite de domingo em um combate contra tropas do Exército que perseguem há uma semana a Frente Antonio Nariño, em uma zona rural a 50 km de Bogotá.

Há dois dias, o Exército informou ter matado 10 rebeldes da Frente Nariño, além de capturar outros 11.

"Na noite de ontem matamos 'Gaitán', comandante da Frente Antonio Nariño e um homem muito ligado a (chefe militar das Farc, Jorge Briceño) Mono Jojoy", disse o ministro Juan Manuel Santos.

'Gaitán' era acusado de ordenar o ataque a bomba que em fevereiro de 2003 matou 36 pessoas no clube El Nogal de Bogotá.

Jesús Guzmán foi abatido na zona de laguna de El Gallo, próximo ao povoado de Gutiérrez.

cop/LR

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG