Islamabad, 5 mai (EFE).- O Exército paquistanês respondeu hoje um ataque rebelde em uma demarcação tribal fronteiriça com o Afeganistão e matou pelo menos 15 fundamentalistas, informou o comando militar do país.

Segundo um comunicado, um grupo de insurgentes atacou um posto de controle das forças de segurança na região de Spinkai Tangi, situada na zona tribal de Mohmand.

Após o ataque, se desencadearam "intensos enfrentamentos" nos quais 15 membros da força talibã e dois soldados morreram.

Segundo a mesma fonte, outros seis militares se encontram desaparecidos.

Em 2 de maio, os insurgentes lançaram um ataque similar na mesma região tribal, que acabou com a morte de 16 fundamentalistas e dois membros da guarda fronteiriça.

O Exército iniciou há alguns meses uma operação contra a insurgência talibã em Mohmand, que já custou a vida de cerca de 300 insurgentes. EFE igb/rr

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.