Exército iraquiano encontra 30 corpos no norte do país

BAGDÁ (Reuters) - Militares iraquianos descobriram 30 corpos decompostos em uma série de túmulos rasos na instável província de Diyala, no norte do país, disse o exército neste sábado. Os corpos foram encontrados em um período de três dias na vila predominantemente xiita de Albu-Toma, ao norte de Bagdá. O vilarejo já foi dominado por militantes da organização islâmica sunita al Qaeda, que promoviam frequentes massacres de xiitas.

Reuters |

"Sabemos que essa área possui muitos túmulos. Poderemos achar mais corpos no futuro", disse à Reuters um oficial do exército que não quis se identificar por não ter recebido permissão para falar.

As forças de segurança do Iraque descobrem túmulos coletivos frequentemente, a maioria deles feita durante um conflito sectário entre 2006 e 2007 que deixou o país na iminência da guerra civil. A polícia encontrou 23 corpos em um túmulo coletivo em uma região próxima da cidade de Samarra na última quarta-feira.

(Reportagem de Khalid al-Ansary)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG