Exército iraquiano assume controle total de Sadr City

O Exército iraquiano encerrou, nesta quinta-feira, sem incidentes, a tomada de controle do imenso bairro de Sadr City, em Bagdá, uma área de 27 km2 e de dois milhões de habitantes que era, até agora, o bastião das milícias xiitas do clérigo Moqtada al-Sadr.

AFP |

A invasão começou na terça-feira pela metade sul e terminou hoje com a ocupação do norte por centenas de soldados, que chegaram de caminhões, com o apoio de veículos blindados.

Os tanques de fabricação soviética T-62 estacionaram nos principais cruzamentos, sem encontrar resistência, em meio ao trânsito de todos os dias e à indiferença de seus moradores.

Crianças davam água aos sentinelas, sufocados pelo calor.

"Tudo vai bem", disse, sorridente, um capitão do Exército, enquanto procurava uma sombra. "Não houve incidentes desde que chegamos", comemorou.

Aparentemente, a "Operação Paz" conta com a aprovação do movimento "sadrista" e é resultado do acordo alcançado em 10 de maio para acabar com os sangrentos conflitos que deixaram quase mil mortos na área.

Para evitar qualquer provocação nesse setor da capital, ferozmente oposto ao "ocupante", os soldados americanos se mantiveram no lado sul. Do outro lado do muro, no norte, não se avistava um único militar dos EUA.

aj-hba/tt

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG