Exército e Polícia desmantelam célula de grupo radical sunita no Líbano

Beirute, 13 out (EFE).- O Exército e a Polícia do Líbano desmantelaram uma célula do grupo radical sunita Fatah al-Islam, supostamente envolvida nos recentes atentados cometidos na cidade de Trípoli, no norte do país.

EFE |

Segundo um comunicado divulgado pelo Exército e pulbicado pelo jornal libanês "L'Orient Le Jour", uma força conjunta de ambos os corpos de segurança deteve na noite de ontem pelo menos quatro pessoas no norte do país e apreendeu um cinto de explosivos pronto para ser utilizado.

No entanto, as fontes disseram que o suposto líder da célula, o libanês Abdul Gani Ali Yawhar, conseguiu escapar.

Na operação foi detido o cunhado de Ali Yawhar, identificado como Alaa Mehrez, que estava com o cinto.

Segundo o comunicado, os detidos são os supostos autores dos dois recentes atentados cometidos contra o Exército libanês em Trípoli, que causaram dezenas de vítimas. EFE ks-ju/ma

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG