Gaza, 15 jan (EFE).- O Exército de Israel matou hoje o ministro do Interior palestino Said Siyam, que fazia parte do Governo de fato do Hamas na Faixa de Gaza, nos bombardeios de apoio ao avanço das tropas de infantaria e de artilharia para o interior da capital do território, segundo testemunhas.

As fontes disseram que Siyam morreu no bombardeio de um edifício de três andares, que desabou após o ataque. EFE sar-amg/an

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.