Exército de Israel diz estar disposto a tomar toda Faixa de Gaza

Jerusalém, 7 jan (EFE).- O Exército israelense está disposto a se desdobrar por toda a Faixa de Gaza, apesar dos pedidos de cessar-fogo, caso considere necessário para concluir sua missão de dar um duro golpe ao Hamas, disseram altos comandantes militares.

EFE |

Desde o início da invasão, no sábado passado, as tropas israelenses operaram principalmente no norte e no centro da Faixa.

Os tanques chegaram ontem à principal cidade do sul de Gaza, Khan Yunes, embora não tenha entrado em zonas povoadas.

Apesar da pressão internacional para um cessar-fogo, o Exército israelense tem planos de levar suas tropas para o sul, apontaram as fontes ao diário "The Jerusalem Post".

Esta manhã, Gaza foi cenário de novos combates entre milicianos palestinos e tropas israelenses, apoiadas pelas Forças Aérea e Naval.

A aviação militar israelense bombardeou de madrugada cerca de 40 alvos, como plataformas de lançamento de foguetes, grupo de homens armados do Hamas e edifícios do movimento islâmico, informou o Exército em comunicado.

O ministro da Defesa de Israel, Ehud Barak, decidirá nos próximos dias se estende a operação e ignora, assim, o sinal verde do Conselho de Segurança da ONU a um plano proposto por Egito e França para que acabe a ofensiva em Gaza. EFE ap/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG