Exército colombiano denuncia ataque das Farc a partir do Equador

O comandante do Exército da Colômbia, general Mario Montoya, denunciou neste sábado que a guerrilha das Farc executou na sexta-feira, a partir do Equador, um ataque com explosivos que deixou um oficial ferido.

AFP |

"Ontem (sexta-feira) às 11H15 locais (13H15 de Brasília) foram lançados cinco cilindros carregados de explosivos do território equatoriano para o território colombiano. O soldado Uriel Muñoz sofreu uma fratura e ferimentos no tórax", disse à imprensa.

O general, que qualificou o ataque como um "atentado terrorista", o atribuiu à frente 48 das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia.

A denúncia militar colombiana acontece em meio à tensão diplomática com o Equador, após a ruptura de relações por parte de Quito depois do ataque do Exército colombiano a uma base das Farc situada em território equatoriano, perto da fronteira, no dia 1º março.

    Leia tudo sobre: farc

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG