Exército colombiano apreende 51 mil munições de narcotraficantes

Bogotá, 23 fev (EFE).- As autoridades da Colômbia encontraram e confiscaram hoje 51.316 munições e 15 granadas em dois esconderijos do grupo armado de Pedro Guerrero, um dos narcotraficantes mais procurados do país, informaram hoje fontes militares.

EFE |

Os materiais foram descobertos por tropas de um batalhão de infantaria do Exército e soldados da central de inteligência do Estado na zona rural de Puerto Gaitán, localidade cerca de 300 quilômetros ao leste de Bogotá, no departamento (estado) de Meta.

A Agência de Notícias do Exército (ANE) colombiano informou que os cartuchos de guerra e as granadas "pertenciam aos grupos criminosos do narcotraficante conhecido como 'Cuchillo' (Faca)".

Trata-se de Pedro Guerrero, acusado, entre outras coisas, do assassinato de Miguel Arroyave, chefe do antigo Bloco Centauros da organização paramilitar Autodefesas Unidas da Colômbia (AUC).

Arroyave foi baleado em setembro de 2004 em uma estrada de Meta, região na qual atuava e onde administrava o processo de desarmamento dentro do processo de paz do Governo com as AUC.

    Leia tudo sobre: colômbia

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG