Exército anuncia morte de 21 talibãs no Swat em 24 horas

O Exército paquistanês anunciou nesta terça-feira ter matado 21 talibãs em 24 horas, no prosseguimento da ofensiva iniciada há cinco semanas contra os extremistas islamitas ligados à Al-Qaeda no Vale de Swat, noroeste do país.

AFP |

Três soldados morreram nas mesmas 24 horas.

Desde 26 de abril, data de início da operação, o Exército afirma ter matado mais de 1.300 talibãs e perdido 85 soldados, mas os dados são impossíveis de confirmar, já que os militares proibem o acesso à zona de combate.

Além disso, o Exército nunca aborda a questão das vítimas civis. No entanto, muitas testemunhas e Organizações Não Governamentais (ONGs) afirma que os bombardeios provocaram muitas vítimas entre os habitantes.

Os mesmos testemunhos acusam os talibãs de atrocidades ou de usar a população civil como escudo humano.

Grande parte dos 21 militantes islamitas mortos pelo Exército estavam em Charbagh, 20 km ao norte de Mingora, a capital do distrito de Swat.

Desde 26 de abril, pressionado por Washington, seu principal aliado financeiro, o governo paquistanês realiza uma ampla ofensiva contra as milícias islamitas na região do vale de Swat.

cm/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG