Ex-engenheiro da Boeing é condenado nos EUA por espionagem para China

Um ex-engenheiro da gigante americana da aviação Boeing foi condenado por fazer espionagem para a China, após ter sido acusado, entre outros crimes, de atuar como agente estrangeiro e mentir para a polícia federal (FBI), indicaram nesta quinta-feira fontes juduciais.

AFP |

Dongfan 'Greg' Chung, de 73 anos, mora no condado de Orange, na Califórnia (oeste), e é ex-funcionário da Rockwell International. Ele foi considerado culpado de atuar como agente estrangeiro (espião) para a República Popular China, para quem roubou tecnologia e segerdos comerciais da Boeing, informou um comunicado da promotoria do distrito de Santa Ana, na Califórnia (oeste).

Chung trabalhava desde 1973 na Rockwell International, unidade de defesa e espaço que em 1996 foi adquirida pela Boeing.

Depois de três semanas de julgamento, o juíz Cormac Carney considerou o réu culpado de conspirar para cometer espionagem econômica, além de seis acusações de espionagem econômica em benefício de um país estrangeiro, um por atuar como agente da República Popular da China e uma por ter dado falsas declarações ao FBI.

No julgamento, o governo provou que Chung roubou e ocultou segredos comerciais da Boeing relacionados ao ônibus espacial e ao foguete Delta IV, documentos que adquiriu para o benefício da República Popular da China.

Chung, que foi detido em fevereiro de 2008 por agentes especiais do FBI e da Nasa, permanecerá preso até a audiência que definirá sua sentença, marcada para o dia 9 de novembro de 2009.

Para cada acusação de espionagem econômica, a lei americana fixa um máximo de 15 anos de prisão mais multa de 500.000 dólares, enquanto que, por atuar como agente estrangeiro, a pena pode chegar a 10 anos.

Chung, nascido na China e nacionalizado americano, trabalhou na Rockwell e na Boeing em um programa especial e secreto espacial. Aposentou-se em 2002, mas no ano seguinte voltou à Boeing como funcionário terceirizado.

pb/ap

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG