Ex-ditador espanhol Franco perde título em cidade natal

MADRID (Reuters) - O ex-ditador da Espanha Francisco Franco, que governou o país de 1939 até 1975, perdeu postumamente nesta quinta-feira o título de prefeito honorário da cidade em que nasceu. O conselho municipal de Ferrol, na região da Galícia, nordeste do país, aprovou uma moção apresentada por um partido regional de esquerda, o Bloco Nacionalista Galego, afirmou uma porta-voz do conselho.

Reuters |

Muitos espanhóis ainda se dividem sobre os acertos e os erros da guerra civil no país, entre 1936 e 1939, e a ditadura que a sucedeu.

Estátuas de Franco e nomes de ruas que o celebram têm gradualmente desaparecido de muitas cidades espanholas após quase três décadas de democracia.

Na semana passada, o juiz Baltasar Garzón desistiu de investigar o desaparecimento de 130 mil pessoas durante e após a Guerra Civil, muitas das quais foram fuziladas por forças de Franco e enterradas em valas comuns.

Promotores disseram que a investigação desrespeitava uma lei de anistia, de 1977, que cobre o período da guerra.

O juiz Baltasar Garzón espera agora que tribunais locais abram as 19 valas comuns que ele identificou para exumar os restos mortais, incluindo aqueles que pertenceriam ao poeta Federico García Lorca.

(Reportagem de Tracy Rucinski)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG