Ex-diretor do Morgan Stanley condenado em Hong Kong

O ex-diretor geral do banco americano Morgan Stanley na Ásia foi condenado nesta sexta-feira por um tribunal de Hong Kong a sete anos de prisão por crime de informação privilegiada.

AFP |

Du Jun foi considerado culpado de 10 acusações por comprar ações do CITIC Resources, filial do gigante chinês CITIC Group, por 87 milhões de dólares de Hong Kong (US$ 11,2 milhões), enquanto assessorava a empresa sobre a aquisição de campos de petróleo no Cazaquistão e na China.

Dois meses depois do anúncio da aquisição em maio de 2007, Du Jun aproveitou a alta do título para vender metade de suas ações, com um lucro de US$ 4,3 milhões.

O ex-diretor, 41 anos, também foi condenado a pagar uma multa.

pol/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG