Excesso de velocidade provocou choque entre trens na China

O excesso de velocidade provocou a colisão entre dois trens na China, o que deixou ao menos 70 mortos na segunda-feira, anunciou a imprensa local nesta terça, citando a investigação oficial.

AFP |

"O excesso de velocidade foi a causa direta da colisão ferroviária mortífera de segunda-feira no leste da China, que matou 70 pessoas e feriu 416", diz a agência oficial Nova China, citando a comissão especial criada pelo governo.


Segundo a agência, o trem, que fazia o percurso entre Pequim e Qingdao, descarrilou antes de bater contra a outra composição, de passageiros, que vinha no sentido contrário, por estar a 131 km/h, quando a velocidade autorizada era de apenas 80 km/h.


Histórico de acidentes

Esse é o segundo acidente ferroviário ocorrido na conexão Pequim-Qingdao somente nesse ano. Em janeiro, um trem de alta velocidade atropelou um grupo de operários que trabalhava na linha na altura da cidade de Anqiu. O acidente deixou 18 mortos e nove feridos.

Antes da colisão desta segunda-feira, o incidente com maior número de fatalidades na história recente da China ocorreu em 1997, quando dois trens colidiram na província de Hunan, região central do país, deixando mais de 100 mortos.


(Com informações da Reuters e BBC Brasil)

Leia mais sobre: acidente

    Leia tudo sobre: acidentetrem

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG