Ex-assessor de Bush é interrogado sobre destituição de procuradores

Washington, 15 mai (EFE).- Karl Rove, ex-alto assessor do ex-presidente dos Estados Unidos George W.

EFE |

Bush, foi interrogado hoje por uma promotora especial que estuda apresentar acusações contra representantes desse Governo por um escândalo no Departamento de Justiça do país.

Rove se reuniu com a promotora especial, Nora Dannehy, no escritório de seu advogado, Robert Luskin. Nenhuma das partes fez declarações à imprensa.

Dannehy busca evidências para saber se serão apresentadas acusações contra representantes da Casa Branca de Bush pela destituição de vários procuradores federais em 2006.

O ex-assessor político e braço direito de Bush assegurou que cooperará com a investigação.

Rove tinha rejeitado depor em uma investigação interna anterior do Departamento de Justiça americano, que concluiu que a destituição dos nove procuradores teve motivos políticos.

O Governo Bush alega que afastou os procuradores por um trabalho insatisfatório. EFE mv/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG