Ex-advogado de Berlusconi condenado a mais de 4 anos de prisão

A justiça italiana condenou o ex-advogado inglês do chefe de Governo italiano Silvio Berlusconi, David Mills, a quatro anos e seis meses de prisão por falso testemunho.

AFP |

O advogado foi condenado por ter presentado faltos testemunhos em favor do político italiano em dois processos que envolviam a Fininvest, o 'holding' da família Berlusconi no final dos anos 90.

Mills é especiliasta na criaçãod e sociedades "off-shore" em paraísos fiscais.

O julgamento contra Berlusconi pelo mesmo caso foi suspenso em outubro de 2008 depois da adoção de uma controvertida lei que garantia a imunidade penal ao primeiro-ministro durante a duração de seu mandato.

O escândalo atingiu inclusive o governo britânico na ocasião, já que Mills era o marido até 2006 da ministra da Cultura, Tessa Jowell.

kv/cn

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG