Publicidade
Publicidade - Super banner
Mundo
enhanced by Google
 

Europa central e do leste esperam que Obama fortaleça a cooperação

Viena, 5 nov (EFE).- Os Governo dos países da Europa central e do leste acreditam que a ascensão do democrata Barack Obama à Presidência dos Estados Unidos levará à renovação e ao fortalecimento da cooperação transatlântica.

EFE |

Esta esperança foi manifestada hoje pelos líderes das nações da região, em suas mensagens de felicitações ao futuro presidente dos Estados Unidos.

A Áustria está disposta a construir uma cooperação transatlântica "forte e útil", disse o presidente austríaco, Heinz Fischer, após destacar "o grande significado" da eleição do candidato democrata para a comunidade internacional, em um momento de "enormes desafios".

O conservador Vaclav Klaus, chefe de Estado da República Tcheca, aproveitou sua mensagem de felicitações a Obama para convidá-lo a visitar Praga.

"Há relativamente pouco tempo aprofundamos nossas relações criando uma aliança na Otan. Portanto, e após a adesão de nossa república à União Européia, a cooperação euro-atlântica se mantém como pilar básico da política externa tcheca", disse Klaus, em sua carta.

"Confio em que possa, em breve, dar-lhe pessoalmente as boas-vindas em nome de nosso país no Castelo de Praga, talvez por ocasião da cúpula da Otan em 2009", acrescentou.

O presidente romeno, Traian Basescu, destacou que a bem-sucedida campanha de Obama "consolidou a confiança na democracia americana" e destacou a importância que Bucareste concede ao fortalecimento da "associação estratégica" com os EUA e aos projetos de cooperação, inclusive em plano regional.

Georgi Purvanov, presidente da Bulgária, expressou sua confiança de que os Estados Unidos estarão "à frente dos esforços da comunidade internacional para criar e reafirmar um mundo próspero e pacífico". EFE vp/an

Leia tudo sobre: iG

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG