Eurogrupo defende medidas de apoio precisas contra recessão

Os ministros das Finanças da zona euro rejeitaram nesta segunda-feira a idéia de um plano de reativação econômica generalizado diante do risco de recessão, mas estão dispostos a adotar medidas precisas de apoio à atividade econômica, destacou seu presidente, Jean-Claude Juncker.

AFP |

"Pensamos que não nos faz falta um plano de reativação generalizado, clássico, e que cada um dos diferentes Estados-membros deve adotar medidas precisas, temporárias e consequentes", disse Juncker ao final de uma reunião do Eurogrupo em Bruxelas.

mar/LR

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG