EUA: uma em cada três crianças será latina em 2025

Um em cada três menores americanos (menos de 18 anos) será de descendência hispânica em 2025, um aumento de 10% na comparação com o percentual atual (22%), segundo relatório divulgado nesta quinta-feira pelo centro especializado em estudos latinos Pew Hispanic Center.

AFP |

Ao mesmo tempo, o número de crianças latinas de segunda geração, as nascidas nos EUA de ao menos um pai imigrante, continuará aumentando, assim como as de terceira geração, que são os filhos de pai com nacionalidade americana, indicou o relatório,

Atualmente, dos 16 milhões de menores hispânicos, 52% são de segunda geração, 37% são de terceira geração e apenas 11% são de primeira, ou seja, nasceram fora dos Estados Unidos.

"O segmento que mais crescerá de 2010 a 2025 será o de filhos de terceira geração (60%). O daqueles com ao menos um pai imigrante aumentará 33% nesse intervalo. Já o percentual de crianças hispânicas de primeira geração se manterá relativamente estável", destacou o centro Pew.

"Com base em tendências passadas, esta mudança na composição das gerações de crianças hispânicas terá um impacto em seus níveis sociais, de emprego e educação", indicou o documento.

O texto revela que atualmente 43% dos menores hispânicos de primeira geração não falam fluentemente o inglês, contrariamente aos de segunda (21%) e terceira (5%) geração.

Da mesma forma, os pais de crianças de primeira geração receberam menos educação que os das outras duas, assim como um percentual maior deles vive na pobreza.

Segundo os dados mais recentes do Censo, os hispânicos são a principal minoria nos Estados Unidos, com 47 milhões de pessoas.

du/lm/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG