Três afegãos foram presos nos Estados Unidos, apontados em uma investigação que apurava um complô para organizar um atentado terrorista em território americano, anunciou neste domingo o Departamento de Justiça.

O departamento informou que o FBI também está investigando outras pessoas "nos Estados Unidos, no Paquistão e em outros lugares, envolvidos em complôs para detonar explosivos nos Estados Unidos", segundo uma declaração oficial.

Najibullah Zazi, de 24 anos, e seu pai, Mohamed, de 53, ambos nascidos no Afeganistão, foram detidos no Colorado (oeste) neste domingo, informou o departamento de Justiça em um comunicado.

Ahmad Wais Afzali, de 37 anos e também afegão, foi detido pouco depois em Nova York. Os três residem legalmente nos Estados Unidos.

"Cada um dos processados foi acusado de crime intencional e falso testemunho ao FBI, com envolvimento no terrorismo internacional e interno", diz o comunicado divulgado pelo departamento.

Najibullah Zazi, residente permanente nos Estados Unidos, e Mohammed Zazi, naturalizado americano, se apresentarão perante uma Corte Federal do Colorado na segunda-feira.

No mesmo dia, Afzali, também residente permanente nos Estados Unidos, comparecerá perante um tribunal de Nova York.

Cada um pode ser condenado a oito anos de prisão.

"É importante destacar que não temos informações concretas sobre o momento, o local ou o objetivo dos atentados planejados", disse David Kris, assistente do procurador geral para segurança nacional.

ao-mlm/ap

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.