EUA treinarão missão da Geórgia que será enviada ao Afeganistão

Tbilisi, 17 ago (EFE).- As tropas da Geórgia que serão enviadas ao Afeganistão serão treinadas pelos Estados Unidos a partir de setembro e por um período de seis meses, informou hoje David Dzhalagania, vice-ministro de Assuntos Exteriores do Governo georgiano.

EFE |

"Os soldados georgianos treinados por especialistas americanos participarão das operações de paz no Afeganistão dentro do contingente americano", destacou Dzhalagania à imprensa local.

Segundo vice-ministro, o programa "não prevê o fornecimento de nenhum tipo de arma por parte dos EUA".

"A Geórgia não só é consumidor de segurança internacional como também contribui para essa importantíssima operação internacional", acrescentou Dzhalagania.

Em 15 de agosto, chegaram à Geórgia os cinco primeiros americanos que começarão treinar os soldados locais a partir de 1º de setembro.

Recentemente, Tbilisi anunciou que enviará 500 militares ao Afeganistão, em resposta a um pedido dos EUA para que enviasse reforços ao país asiático.

A ajuda, no entanto, gerou desconfiança na Abkházia. Serguei Shamba, membro do Governo desta região separatista, questionou se a assistência militar americana à Geórgia se limita apenas a um treinamento para as operações no Afeganistão.

"Antes também nos disseram que as Forças Armadas georgianas não se preparavam para um ataque, para uma guerra contra seus vizinhos.

Mas já vimos o que ocorreu em agosto do ano passado. Por isso, para nós é difícil acreditar em tais declarações", destacou. EFE mv/sc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG