As autoridades sanitárias americanas terão recebido apenas 45 milhões de doses da vacina contra o vírus H1N1 da gripe suína em outubro, para iniciar uma campanha de vacinação que tem como objetivo imunizar 160 milhões de pessoas.

"Segundo nossas últimas informações, fornecidas pelos fabricantes, esperamos ter 45 milhões de doses no dia 15 de outubro. Depois, receberemos 20 milhões de doses por semana até chegar às 195 milhões de doses que encomendamos", disse nesta terça-feira à AFP Bill Hall, porta-voz do departamento de Saúde (HHS).

Num primeiro momento, o governo esperava dispor de 120 milhões de doses a partir de outubro, para vacinar o maior número de pessoas em situação de risco antes do início da temporada de gripe, em dezembro.

O governo americano encomendou vacinas a cinco laboratórios: Novartis, GSK, Sanofi, Medimmune e CSL, informou o HHS.

O Centro Federal de Controle e Prevenção de Doenças (CDC) planeja vacinar 160 milhões de pessoas (mais de um em cada dois americanos). Isso inclui mulheres grávidas, adultos em contato com crianças menores de seis meses, trabalhadores do setor de saúde e jovens entre seis meses a 24 anos de idade, além de adultos de saúde frágil.

vmt/ap

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.