EUA têm conhecimento da visita de Kim Jong-il à China

Washington, 5 mai (EFE).- Os Estados Unidos confirmaram nesta quarta-feira que sabem que o governante da Coreia do Norte, Kim Jong-il, iniciou uma visita a Pequim para se reunir nesta quinta-feira com altos funcionários do Governo chinês.

EFE |

Washington, 5 mai (EFE).- Os Estados Unidos confirmaram nesta quarta-feira que sabem que o governante da Coreia do Norte, Kim Jong-il, iniciou uma visita a Pequim para se reunir nesta quinta-feira com altos funcionários do Governo chinês. A imprensa asiática indicou que Kim chegou a Pequim nesta quarta-feira, e que provavelmente se reunirá com o presidente da China, Hu Jintao, com o objetivo de solicitar ajuda econômica. Em conversa com jornalistas, o porta-voz do Departamento de Estado dos EUA, Philip Crowley, se limitou a dizer que o país "tem conhecimento" da visita, após destacar que os americanos compartilham com a China a preocupação pelo "comportamento provocativo" da Coreia do Norte. O porta-voz indicou que os Estados Unidos esperam que a Coreia do Norte cumpra suas obrigações e compromissos internacionais. "Esperamos que a Coreia do Norte cesse seu comportamento provocativo e depois veremos o que surge desta reunião de amanhã (quinta-feira)", acrescentou. Em troca da ajuda econômica, o presidente norte-coreano deve informar às autoridades de seu principal aliado a intenção de voltar às negociações de desarmamento que abandonou há um ano. EFE ojl/fm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG