EUA suspende alerta de viagem para o México

Washington, 15 mai (EFE).- O Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC, em inglês) dos Estados Unidos retirou hoje seu alerta de viagem para o México por causa da gripe suína, que estava em vigor desde o último dia 27, e o substituiu por um aviso de precaução.

EFE |

Em comunicado, o CDC indica que observou o foco do novo vírus no México com a colaboração das autoridades locais e que obteve uma "imagem mais completa" do problema.

"Há evidências de que a propagação do foco mexicano está perdendo força em muitas cidades. Além disso, o risco de contrair uma doença severa por meio da infecção do novo vírus parece ser menor do que o inicialmente estimado", indica o CDC.

O alerta de viagem do dia 27 de abril recomendou a todos os americanos para que não realizassem viagens "não essenciais" ao México.

Mesmo com a suspensão do aviso, o CDC recomenda aos viajantes que visitem o México para que tomem "medidas para se proteger de um possível contágio" da gripe.

Atualmente, os EUA têm 4.714 casos confirmados da doença. Quatro mortes ocorreram em consequência da mesma, a última delas reportada ontem.

Apesar do nome, a gripe suína não apresenta risco de infecção por ingestão de carne de porco e derivados. EFE cae/bba

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG