Os Estados Unidos foram eleitos nesta terça-feira membros do Conselho de Direitos Humanos da ONU, rechaçado pelo governo americano, que alega que este organismo abriga violadores notórios dos direitos humanos e é parcialmente contra Israel.

Os Estados Unidos receberam 167 votos e foram eleitos ao lado de Bélgica e Noruega para os três lugares ocupados por países ocidentais.

Vinte países disputaram 18 vagas, de um total de 47, no Conselho, que tem sua sede em Genebra.

ga/lm

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.