EUA revisam para baixo desempenho do PIB no 3º trimestre

O Departamento do Comércio dos Estados Unidos anunciou nesta terça-feira que corrigiu para -0,5% a taxa de crescimento econômico anualizada do país relativa ao trimestre encerrado em setembro, que havia sido estimada antes em -0,3%. Essa seria a mais acentuada queda do PIB americano desde 2001.

BBC Brasil |

Segundo o Departamento, a revisão foi feita devido à queda no índice de consumo nos Estados Unidos - que atingiu o nível mais baixo em 28 anos.

A nova estimativa de contração da economia alinha a percepção do governo à de analistas do mercado e reforça os temores de que os Estados Unidos estejam entrando em uma recessão.

Dados positivos e negativos
Muitos economistas avaliam que os Estados Unidos já estão em recessão (o que, tecnicamente, se confirma quando uma economia tem crescimento negativo por dois trimestres seguidos), como já estão os países da zona do euro e o Japão.

Também nesta terça-feira, um novo índice revelou que os preços de habitações nos Estados Unidos caíram no terceiro trimestre para o nível mais baixo desde o início de 2004.

O índice Standard & Poor's/Case-Shiller caiu 16,6% no período, em comparação com o mesmo trimestre do ano passado.

Por outro lado, um novo índice de confiança do consumidor, compilado pela Conference Board, uma empresa privada de pesquisa, revelou o que pode ser um sinal de ressurgimento do otimismo em relação à economia americana.

O índice subiu para 44,9 em novembro, depois de ter ficado em outubro em 38,8 - o pior nível já registrado.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG