EUA, Reino Unido e França acusam Irã por enriquecimento nuclear

PITTSBURGH (Reuters) - O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, acusou o Irã nesta sexta-feira de construir uma usina nuclear secretamente por vários anos e exigiu que Teerã cumpra com as normas internacionais sobre não proliferação nuclear. Obama fez a acusação pública em aparição juntamente com o primeiro-ministro britânico, Gordon Brown, e o presidente francês, Nicolas Sarkozy, no encontro do G20 em Pittsburgh, aumentando a pressão sobre o Irã por seu contestado programa nuclear.

Reuters |

Obama disse que as atividades do Irã são "um desafio direto" ao regime de não proliferação nuclear e afirmou que é hora de Teerã agir imediatamente para restaurar a confiança da comunidade internacional.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG