EUA quer garantia de que Khan não voltará a divulgar informações nucleares

O presidente americano, Barack Obama, quer obter garantias do Paquistão de que o criador da bomba atômica paquistanesa, Abdul Qadir Khan, libertado nesta sexta-feira, já não está mais envolvido em atividades de proliferação nuclear, indicou a Casa Branca.

AFP |

"Obviamente, vimos notícias sobre a libertação, mas não recebemos a palavra oficial do governo" paquistanês, afirmou o porta-voz Robert Gibbs.

O governo americano quer ter "garantias de que o doutor Khan não está envolvido ou comprometido em nenhuma das atividades que levaram a sua prisão domiciliar", em 2004.

Uma corte paquistanesa anunciou nesta sexta-feira a soltura de Khan, cinco anos após sua condenação à prisão domiciliar por operar uma rede de proliferação que enviou segredos nucleares a Irã, Líbia e Coréia do Norte.

jkb/ap

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG