EUA procuram local para nova embaixada em Damasco

Damasco, 21 abr (EFE).- Os Estados Unidos, que retiraram seu embaixador na Síria em 2005, procuram um novo lugar para sua missão diplomática em Damasco, disse hoje à Agência Efe uma fonte do Governo sírio que pediu para não ser identificada.

EFE |

O secretário-assistente de Estado para a Segurança Diplomática dos EUA, Eric Boswell, visita hoje o país árabe e foi recebido pelo ministro de Assuntos Exteriores sírio, Walid al-Moualem.

Segundo a fonte, o objetivo de Boswell é estudar áreas nas quais a nova embaixada dos EUA poderá ser instalada.

O Governo anterior dos EUA retirou sua então embaixadora em Damasco, Margaret Scobey, após o assassinato do ex-primeiro-ministro libanês Rafik Hariri em 14 de fevereiro de 2005 na cidade de Beirute.

Os EUA e alguns dirigentes libaneses sustentam que o Governo sírio está envolvido no assassinato, algo que Damasco sempre negou.

Apesar do objetivo da visita de hoje, nenhum dos dois países mencionou a volta de um embaixador dos EUA a Damasco, acrescentou a fonte governamental.

Esta é a sexta visita de um representante do Governo americano à Síria desde que o atual presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, tomou posse de seu cargo em 20 de janeiro.

No dia 7 de março, o secretário de Estado adjunto para o Oriente Médio, Jeffrey Feltman, e Dan Shapiro, do Conselho Nacional de Segurança americano, visitaram Damasco na primeira missão do alto escalão dos EUA desde janeiro de 2005. EFE gb-jrg/bba

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG