EUA posicionam 1.200 soldados na fronteira com o México

Soldados patrulharão região enquanto governo Obama moderniza Patrulha de Fronteira

EFE |

Os Estados Unidos vão mobilizar cerca de 1.200 soldados da Guarda Nacional Americana na fronteira com o México para lutar contra o narcotráfico e a imigração ilegal a partir de 1º de agosto, anunciou nesta segunda-feira a secretária de Segurança Interna, Janet Napolitano.

Espera-se que para setembro estejam já em suas posições os soldados que ficarão por um ano enquanto o governo de Barack Obama reforça a Patrulha de Fronteira, explicaram funcionários.

"Estes soldados darão apoio aos agentes federais que trabalham em áreas de alto risco para combater organizações criminosas que buscam introduzir pessoas e bens ilegais pela fronteira sul", disse Napolitano, citada em um comunicado.

O posicionamento das tropas adicionais foi anunciado pelo governo Obama em maio, depois dos repetidos pedidos das autoridades dos estados fronteiriços com o México após o aumento da violência do narcotráfico no país vizinho.

    Leia tudo sobre: Estados UnidosImigraçãoMéxico

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG