EUA pedem supressão das barreiras alfandegárias chinesas para reduzir poluição

O secretário americano do Tesouro, Henry Paulson, pediu nesta quinta-feira à China mais esforços em termos de meio ambiente, com a eliminação das barreira alfandegárias, o que permitiria a adoção de tecnologias de ponta estrangeiras e a redução da poluição.

AFP |

"A adoção de tecnologias avançadas aumentará a eficácia energética da China e reduzirá suas emissões de gases que provocam o efeito estufa e de poluentes nocivos", declarou Paulson no segundo dia de sua visita a Pequim.

"Porém, a chegada desta tecnologia à China está obstruída por barreiras tarifárias e não tarifárias que a China impões aos bens e serviços ambientais", acrescentou.

O governo chinês, por sua parte, denuncia regularmente as restrições dos Estados Unidos às exportações para a China de alguns produtos de alta tecnologia e destaca que o déficit comercial bilateral (256,3 bilhões de dólares em 2007) cairia sem as mesmas.

jg/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG